Jornal Estrela Guia de Aruanda

A casa Ação Cristã Vovô Elvírio confere grande importância ao estudo esclarecedor e vivificante. O espiritismo postula muito bem este ensinamento quando afirma que “sem a luz da razão, desfalece a fé” (Allan Kardec).

A Umbanda tem fundamento e é preciso estudar! Por isso, o preto-velho Pai Leopoldo, dirigente espiritual do ACVE, criou em 2012 - sob as bênçãos de Oxóssi - o Jornal Estrela Guia de Aruanda!

O objetivo das publicações é compartilhar com a comunidade, os consulentes e os médiuns de Umbanda, ou seja, todos os interessados em conhecer uma Umbanda de luz, amor e caridade, os saberes e conhecimentos sobre espiritualismo e sobre a Umbanda praticada no ACVE .

Nos JORNAIS Estrela Guia de Aruanda você encontra orientações quanto à ritualística do ACVE; cronograma de giras; estudos sobre os Orixás e entidades de Umbanda; mensagens evangelizantes; textos com temas diversos de interesse cristão; esclarecimentos sobre a Umbanda; e muitos outros temas que ajudam a promover o progresso moral e espiritual da humanidade!

Tem sugestões de temas ou materiais, dúvidas, casos interessantes ou críticas ao Jornal? Envie e-mail para: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo..

Uma ótima leitura!

Muito obrigado!

Saravá! Axé!

“Vovó, me ensina a ser melhor. Vovó, tira do meu peito o nó. Desses percalços da vida, nesta tarefa assumida... Seja sempre o meu farol.” Em navios negreiros, eles chegaram ao Brasil... Essa história de sofrimento e dor nós revivemos mentalmente, como se fôssemos um deles, todas as vezes que…
Os negros trouxeram consigo, ao adentrarem nosso país em navios negreiros, uma herança linda de cultos e lendas que, por meio de suas parábolas, nos explicam a história da criação do mundo e das culturas. Uma dessas lendas é a do Orixá feminino Iansã que, com sua força, tem impulsionado…
♪“Energia Maior, poderoso Orixá, é OXALÁ, a luz que fortalece o nosso Congá (...)!”♫ As qualidades divinas essenciais da fé, da geração, da justiça, da lei, do conhecimento, do amor, da evolução são as energias formadoras das sete linhas da Umbanda, manifestadas e regidas por sete Orixás: Oxalá, Iemanjá, Xangô,…
Exú foi e ainda tem sido o grande mistério e talvez a maior contestação de todos os tempos na nossa Umbanda Sagrada. Durante muitos anos, Exú foi comparado à figura do diabo e mistificado através das imagens de barro como possuidor de características perispirituais com rabos, chifres e pés-de-cabra. Mas…
“Ele pode não ser santo, mas diabo ele não é!” Diabo, mulher da rua, entidades atrasadas, espíritos inferiores que fazem tudo o que lhes for pedido. Essas e outras tantas denominações similares são usadas pelos que desconhecem o que realmente representam os nossos queridos e veneráveis Exus e Pombagiras de…
“Toda vez que toca a música, seja qual for, eu sinto um arrepio. Mas, um arrepio bom. Passa uma coisa muito positiva e muito intrigante”. Rafael Soares Lino, Consulente. “Eu sinto alegria... Porque a gente vê que tá indo pra um lugar e várias coisas tão acontecendo ao mesmo tempo…
No triângulo espiritual da Umbanda, os erês representam o início da caminhada do homem na Terra (infância), sendo precedida pelos caboclos (fase adulta) e pretos-velhos (fase idosa). Dotadas dessa qualidade, elas facilmente despertam nossas lembranças infantis positivas, que reafirmam a nossa capacidade de sermos felizes, mais corajosos, persistentes e esperançosos,…
Em 2016, nosso planeta está sob a regência sublime do orixá Oxalá – que receberá ainda o suporte e o auxílio de Yemanjá nessa tarefa. A cada “virada” de ano, vivenciamos momentos de revisão de metas cumpridas, fracassos, vitórias, mudanças, mas principalmente momentos de firmar os olhos no horizonte e…
Já vimos que Médium é todo aquele que sente num grau qualquer, a influência dos Espíritos (Cap. XIV – Dos médiuns, em Livro dos Médiuns, de Allan Kardec). E que Mediunidade é uma ferramenta que pode ser utilizada para o crescimento do ser humano. Quanto mais moralizado e evangelizado for…
Nas palavras de Publius Flavius Vegetius – “si vis pacem, para bellum”, em tradução livre: “se queres a paz, prepara-te para a guerra”. Esta guerra, nos campos da Umbanda, do bem e do amor, é a luta contra o egoísmo e a vaidade, chagas da humanidade; uma constante busca do…
Página 10 de 10